Arquivo do mês: março 2012

SANTOS FOOTBALL MUSIC

Gilberto Mendes (músico, compositor, professor e jornalista brasileiro) nasceu em Santos em 1922, no ano da Semana de Arte Moderna, divisor de águas em nossa cultura, que influenciou com seus anarquistas, futuristas, comunistas, militares, canibais e dadaístas, todos os movimentos de ruptura deste país desde então.

Gilberto Mendes

Considerando a influência da música de cinema, rádio, dos movimentos Concretista e Música Nova, entre outros, influência assimilada por Gilberto Mendes e transformada de maneira particular em sons, podemos dividir sua obra em três grandes fases:

a) Fase de Formação (1945-1959), em que o compositor nos apresenta referências nacionalistas, particularmente as rítmicas, como resultado de discussões e reflexões em torno do Manifesto Jadnov.

b) Fase do Experimentalismo (1960-1982), caracterizada por uma destruição lógica da organização tradicional.

c) Fase da Trans-Formação (após 1982), marcada por uma nova sintaxe, em que o som é recolocado em sua posição integrante de um conjunto mais longo e mais complexo. Como afirmou, certa vez, o próprio Gilberto Mendes:

“Meu espírito é integracionista. Fundir e fazer uma grande geléia de tudo”

Um dos expoentes da música santista a partir da segunda metade do século XX, Gilberto Mendes se destacou por sua arte de vanguarda, que lhe permitiu criar obras como Santos Football Music. Um dia, ao ouvir a transmissão de uma partida pelo rádio do carro de um amigo, teve a idéia de produzir uma obra que retratasse os sons e os sobressaltos de uma partida de futebol. Assim criou a música teatro que conta com a participação da platéia para recriar o clima nervoso de um estádio.

Confira abaixo antológica filmagem da música teatro Santos Football Music, composta por Gilberto Mendes em 1969 e estreada em Varsóvia pelo maestro Eleazar de Carvalho. A filmagem aqui mostrada é da interpretação da Orquestra Sinfônica de Santos, sob a regência de Luis Gustavo Petri e do próprio compositor, que rege a platéia. Este video é parte do dvd A ODISSEIA MUSICAL DE GILBERTO MENDES, produzido pela Berço Esplêndido e dirigido por Carlos de Moura Ribeiro Mendes.

 Bravo! Bravo! Bravo!

—– //—–

Neste final de semana será encenado gratuitamente em Santos o espetáculo ‘UMA FOZ, UMA FALA, UMA DANÇA PARA GILBERTO MENDES’. No dia 30, às 12h30, na Praça Mauá, e no dia 31, às 17h, na Praça Guadalajara (Nova Cintra).

Trata-se de uma espetáculo de dança contemporânea com proposta de celebração ao fenômeno musical e compositor santista Gilberto Mendes, que completa 90 anos de idade. A obra remete para a noção de abertura e infinidade no processo coreográfico que possibilita um despertar do espectador a um conjunto de efeitos cênicos que o levam ao estranhamento e a curiosidade acentuada sobre a compreensão da genialidade de Gilberto Mendes para inspiração de suas composições musicais.

Referências:
– Novo Milênio
– Blog do Odir Cunha
– Wikipédia
– Athos Núcleo Artístico
– Portal Santos (Agenda Cultural)

 Edmar Junior

Anúncios

IMAGENS DE UMA PAIXÃO

 Santásticos (as) o prazo esta acabando, já enviaram suas imagens para o Sesc?

Clique aqui e saiba +

Edmar Junior

FILME SANTOS 100 ANOS DE FUTEBOL ARTE – *EU ASSISTI*

Santos, 100 anos de Futebol Arte” resgata a emoção e a magia do futebol arte.

Para comemorar os 100 anos do Santos Futebol Clube, a produtora Canal Azul, em coprodução com a ESPN e o Grupo Bandeirantes de Comunicação, lançou o filme “Santos, 100 anos de Futebol Arte”.  O filme conta com a direção e roteiro da premiada cineasta Lina Chamie com produção de Ricardo Aidar.

Lina Chamie e Ricardo Aidar

TRAILER

#EuAssisti

O filme foi exibido pela primeira vez hoje (27/03) às 11hs no Cine Livraria Cultura do Conjunto Nacional em São Paulo para jornalistas, blogueiros e convidados, na sequência houve uma coletiva de imprensa com participação do Sr. Odílio Rodrigues (Vice-Presidente do Santos Futebol Clube).

Eu estive lá, o filme é santástico! #Bravo! #Bravo! #Bravo!

Não contarei muitos detalhes, todo santista deve assistir este filme maravilhoso e sentir na pele as fortes emoções que ele proporciona!!!

“Santos, 100 anos de Futebol Arte” contou com mais de 1 ano de intensa pesquisa em acervos no Brasil e no exterior, possibilitando o resgate de um material raro e inédito que vai mostrar a trajetória do clube. O material ajuda a entender a projeção internacional que o clube obteve na era Pelé e que permanece em sua história até hoje.

A narrativa é conduzida através da paixão e admiração dos seus torcedores por um clube que conquistou uma torcida 15 vezes maior que a população da sua cidade, além de ser considerado o time que mais marcou gols na história do futebol mundial.

cenas para divulgação

Para você leitor (a) do Blog DNA Santástico segue abaixo um vídeo (5 minutos e 38 segundos) cedido no press-kit contendo cenas para divulgação, confira e sinta um pouquinho de como é o filme:

Crédito: 100 Anos de Futebol Arte – Realização Canal Azul

Coletiva de imprensa após exibição do filme.

Coletiva de imprensa após exibição do filme.

“Na ilha de edição percebi que os fatos históricos deveriam ser pautados pelos depoimentos pessoais em que, não à toa, surgia a questão da paternidade – …meu pai me levou ao estádio… – Meu pai faleceu há 4 anos… – Meu pai disse, você tem que ir… E assim por diante, de tal forma que a estrutura geral do filme se alinhava não só pelo recontar objetivo dos fatos que marcam o centenário do time, mas subliminarmente pela memória afetiva destes mesmos fatos. Procurei assim, refletir a dimensão ampla e humana do futebol na nossa cultura”, comentou a diretora Lina Chamie que também é uma torcedora fanática do alvinegro da Vila Belmiro.

Lina Chamie (Diretora) e Edmar Junior

Para o produtor Ricardo Aidar, o Santos é um time mágico, quase sobrenatural com uma história coberta de glórias. “O Santos teve o maior jogador da história, parou uma guerra e foi o primeiro time do planeta a conquistar um bicampeonato mundial. Tem uma torcida que se espalha por todos os cantos da terra. Para o Canal Azul é uma grande honra produzir este filme”, enfatizou o produtor.

Com 93 minutos, o longa traz depoimentos emocionantes de ídolos como Pelé, Robinho, Diego e Neymar, além de entrevistas com torcedores famosos como a jornalista Barbara Gancia, o apresentador Marcelo Tas, os escritores José Roberto Torero, José Miguel Wisnik e Xico Sá, além do rapper Mano Brown que “contracena” com Cosmo Damião, fundador da Torcida Jovem do Santos. A trilha sonora que embala as imagens é composta por nomes como Bee Gees, Pink Floyd, Prodigy e Darius Milhaud.

Cartaz do filme SANTOS 100 ANOS DE FUTEBOL ARTE, cortesia da CANAL AZUL.

O longa-metragem foi selecionado para a programação especial do Festival É Tudo Verdade e foi exibido novamente em 27/03 para o público em geral no Cine Sesc da Rua Augusta em São Paulo.

Em São Paulo e Santos, o longa entra em circuito alternativo de cinema no dia 06 de abril no Cine Livraria Cultura e Cine Miramar, respectivamente.

O filme é patrocinado pelo Carrefour e Besni, com o apoio cultural da Netshoes e Tenys Pé Baruel.

SANTOS TV

Lina Chamie e Ricardo Aidar conversam com a Santos TV sobre como foi o processo de produção do filme “Santos, 100 anos de Futebol Arte”. Saiba sobre as principais dificuldades, momentos de emoção, e muito mais do filme do centenário do Peixe.

Ficha técnica:

Direção e Roteiro: Lina Chamie
Produção: Ricardo Aidar e Katia Lund
Produção-executiva: André Canto e Sylvio Rocha
Montagem: Ricardo Farias
Fotografia: Miguel Vassy
Coprodução: ESPN e Grupo Bandeirantes de Comunicação
Realização: Canal Azul

DEPOENTES POR ORDEM DE APARIÇÃO:

COSMO DAMIÃO / MANO BROWN / MARCOS GORDINHO / BARBARA GANCIA / NUNO RAMOS/ PELÉ / DIEGO / JOÃO DORIA JR / LINA CHAMIE / SEU MANECO / WALDIR A. SANTOS / FELIPE GRECHE BARBOSA / JOSÉ “JOTA” PAULO FERNANDES / ALEXANDRE RENZO / GABRIEL LOMBARDI / ROBINHO / GUILHERME GUARCHE / JOSÉ ROBERTO TORERO / FORMIGA / LUIS ALVARO DE OLIVEIRA RIBEIRO / PEPE / RODRIGO MARUCA / FELIPE MELLO / ANDRÉ VILLAÇA / LUIZ ZANIN / JOSÉ MIGUEL WISNIK / CARLOS ALBERTO TORRES / ZUCA / CAO HAMBURGER / XICO SÁ / ODÍLIO RODRIGUES FILHO / PITA / GILBERTO COSTA / ARMÊNIO NETO / RODOLFO RODRIGUEZ / SEGINHO CHULAPA / GIOVANNI / CAMANDUCAIA / CABRALZINHO / ELANO / LÉO / EMERSON LEÃO / MÔNICA WALDVOGEL / FELIPE RAMALHO ALVES SANTOS / RODRIGO “DIG BOM” RODRIGUES / NEYMAR / P. H. GANSO / JAMELLI / MARTA NUNES / RAFAEL / EDU DRACENA / MENGÁLVIO / LIMA / MILTON NEVES / MARCELO TAS.

DIREÇÃO:

Lina Chamie é formada pela New York University e obteve seu mestrado pela Manhattan School of Music (1991). Trabalhou mais de 10 anos no departamento de cinema da New York University, em Nova Iorque. Dirigiu vários filmes, entre eles, o premiado curta-metragem “Eu Sei Que Você Sabe”. “Tônica Dominante”, seu longa-metragem de estreia, recebeu, entre outros prêmios, o Kodak Vision Award – WIF – Los Angeles; e o prêmio da APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte) de Melhor Fotografia em 2001. O seu segundo longa-metragem, “A Via Láctea” recebeu o prêmio Casa de América no “Cine en Construccíon” no Festival Internacional de San Sebastían, Espanha 2006. “A Via Láctea” teve estreia mundial no festival de Cannes e desde então foi visto em mais de 30 países, recebendo inúmeros prêmios e o prestígio da crítica nacional e internacional.

Sobre o Canal Azul:

O Canal Azul é uma produtora especializada na criação e produção de conteúdo audiovisual, sobretudo para as mídias Cinema, TV e Internet. São obras, entre documentários, séries e programas, realizadas em parceria com os maiores grupos de comunicação do Brasil e do mundo como ESPN, Grupo Bandeirantes de Comunicação, Globosat, Rede Globo, Rede Record, TV Cultura, Discovery Channel, National Geographic Channel, ZDF e Twentieth Century Fox, veiculadas em mais de 130 países e em 35 línguas.

O filme sobre o centenário do Santos é o primeiro de uma série sobre o clube. “Meninos da Vila – a Magia do Santos” será dirigido por Katia Lund e já está em fase de produção e “Santos de todos os gols”, previsto para 2014, completam a trilogia produzida pelo Canal Azul.

Serviços:

27 de março – Exibição do filme no Festival “É Tudo Verdade” – SÃO PAULO
3ª feira
19h – 1ª Exibição do filme para o público do Festival
Cine Sesc – Rua Augusta, 2075 – Cerqueira César

28 de março – Exibição do filme no Festival “É Tudo Verdade” – RIO DE JANEIRO
4ª feira
Local: Cine Unibanco Arteplex, sala 6
19h – Exibição do filme
Praia de Botafogo, 316

30 de março – Exibição do Filme Museu da Imagem e do Som (MIS)
6ª feira
Local: MIS
Av. Europa, 158
20h – Exibição do Filme
Cidade: São Paulo

De 6 a 12 de abril – Exibição no cinema em São Paulo e Santos:
São Paulo
Local – Cine Livraria Cultura – Conjunto Nacional
Rua Padre João Manoel, 100 – Cerqueira César
Santos
Local – Espaço Unibanco Miramar – Miramar Shopping Center
Av. Marechal Floriano Peixoto, 44 – 2° piso – Gonzaga

14 de abril  DVDs em lojas.

Informações adicionais:

Site oficial do filme: santos100anosdefutebolarte.com.br
Facebook do filme: http://www.facebook.com/santos100anosdefutebolarte
Twitter do Filme: @filmesdosantos

REFERÊNCIA: PRESS RELEASE SANTOS 100 ANOS DE FUTEBOL ARTE.

Edmar Junior


GRUPO DE LITERATURA E MEMÓRIA DO FUTEBOL HOMENAGEOU O SANTOS FC

 No sábado (24/03) estive presente em mais uma reunião do grupo de literatura e memória do futebol do qual sou membro.

O grupo tem como missão promover a difusão do futebol na literatura e em outras formas de expressão cultural e artística e apoiar a preservação da memória do futebol.

O glorioso Santos Futebol Clube esteve integralmente na pauta desta última reunião, foi uma homenagem do grupo ao clube em função do advento de seu Centenário.

A reunião, como de costume, ocorreu no auditório do Museu do Futebol, que por sua vez fica no Estádio do Pacaembu, normalmente é restrita somente a membros, mas nesta ocasião foi moderadamente aberta.

Antes da reunião começar, durante a memorabília futebolística, momento onde os participantes podem apresentar qualquer livro, artigo ou objeto antigo ligado ao futebol, tive a honra de conhecer o Alex Santos (tem Santos até no nome), ele levou alguns itens simplesmente santásticos do seu acervo pessoal.

Alex Santos, eu e alguns itens do acervo santástico dele.

Além dos membros do grupo de literatura e memória do futebol, torcedores do Santos também marcaram presença nesta reunião.

A reunião teve início com uma exibição de diversos vídeos sobre o Santos Futebol Clube selecionados e apresentados pela coordenação do grupo.

Na sequência Celso Unzelte (Jornalista / Pesquisador) e Odir Cunha (Jornalista / Escritor) realizaram uma detalhada apresentação sobre o livro “Santos – 100 Anos, 100 Jogos, 100 Ídolos” que eles elaboraram e que será lançado em breve pela Editora Gutenberg em celebração ao Centenário do Santos.

Celso Unzelte iniciando a apresentação sobre o livro.

Celso Unzelte e Odir Cunha. Foto: Gustavo Carvalho

O livro possui muitas imagens e informações extremamente relevantes da gloriosa história do Santos, esta muito bonito e não vejo a hora do mesmo ser integrado à minha biblioteca santástica.

Integrantes de uma nova geração de santistas, as crianças que estiveram na reunião escutaram atentamente sobre os jogos e ídolos, componentes da centenária e gloriosa história do Santos Futebol Clube.

Estava previsto para esta reunião a participação do Prof. Guilherme Nascimento, que em breve lançará o Almanaque do Santos, e do ex-jogador / eterno ídolo Dalmo Gaspar, mas infelizmente ambos tiveram problemas de ordem pessoal relacionados ao aspecto saúde e não puderam comparecer.

Em cumprimento a agenda da reunião o membro-fundador do grupo Alexandre Andolpho realizou uma apresentação contendo estatísticas sobre clássicos entre o Santos e seus principais rivais.

Após o encerramento formal da reunião, em momento de pura descontração,  o membro Marcelo Unti informou que já havia separado parte do figurino de Celso Unzelte e Odir Cunha para o dia do lançamento do livro, rsrsrs.

Marcelo Unti, Edmar Junior e os calções que marcaram época no Santos Futebol Clube. Figurino para Celso Unzelte e Odir Cunha, rsrs.

Celso Unzelte, Edmar Junior e Odir Cunha

Normalmente as reuniões do grupo são excelentes, desta vez então foi ainda melhor, parabenizo a coordenação, os palestrantes e todos que estiveram presente pela homenagem e respeito ao glorioso Santos Futebol Clube.

doação

O mestre e amigo Odir Cunha, além da excelente apresentação que realizou ao lado de Celso Unzelte, aproveitou a ocasião e fez doação para biblioteca do Museu do Futebol de um exemplar do livro Dossiê – Unificação dos Títulos Brasileiros a partir de 1959, documento este que resgatou a história do futebol brasileiro.

Doação: Odir Cunha e o representante da Biblioteca do Museu do Futebol.

 Por ora é só, deixe seu comentário e até o próximo post.

Edmar Junior

LANÇAMENTO: LIVRO 100 ANOS DE FUTEBOL ARTE

 A obra faz parte das comemorações dos 100 anos de história do clube e conta com um texto emocionante do Rei Pelé, que declara o seu amor e gratidão ao time que o revelou para o mundo do futebol. Atual presidente do Santos, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro expressa o orgulho de ser santista e continuar o legado de seu avô, que foi homem importante na história clube.

O historiador Odir Cunha, autor de diversos livros sobre o Santos FC, assina esta obra e homenageia os 22 maiores ídolos da história do clube praiano. Entre eles, Pelé, Zito, Gylmar, Carlos Alberto Torres, Pepe, Coutinho, Edu, Pagão, Clodoaldo, Giovanni, Robinho, Ganso e Neymar.

Outro destaque do livro são as fotografias e textos apaixonados de torcedores famosos, como Aloizio Mercadante, Fausto Silva, Marcelo Tas, Eduardo Suplicy, Geraldo Alckmin, Milton Neves, Mônica Waldvogel, Paulo Henrique Amorim, Chitãozinho e Xororó, Arnaldo Antunes e Zeca Baleiro entre outros.

Outros torcedores não foram esquecidos e dentre os milhões de fanáticos pelo Alvinegro Praiano, 30 foram escolhidos para integrar a obra e contar suas histórias de alegrias, paixão e humor. “Santos FC – 100 Anos de Futebol Arte” retrata a história gloriosa de um dos maiores clubes de futebol do mundo, com destaque para seus ídolos e conquistas.

O livro será lançado no dia 09/04 em evento restrito e no dia 17/04 haverá uma noite de autógrafos aberta ao público:

Edmar Junior

EXPOSIÇÃO CENTENÁRIO SANTOS FC NO ANTIQUÁRIO CASA DO POVO

O Antiquário Casa do Povo, integrante do roteiro histórico e turístico oficial da cidade de Santos, esta realizando uma exposição reunindo verdadeiras relíquias de colecionadores particulares e amantes do Santos Futebol Clube. Os visitantes poderão fazer uma viagem por momentos históricos neste evento que integra o calendário oficial do Centenário do Alvinegro Praiano.

Um dos destaques da exposição será o conjunto de camisas originais autografadas pelos jogadores do Peixe. A principal relíquia é um uniforme autografado pela equipe bicampeã mundial (1962-63). Outra peça tem as assinaturas da primeira geração de Meninos da Vila (campeã paulista de 1978). Também há uma camisa usada na final do Campeonato Paulista de 1984 e outra da geração vice-campeã brasileira de 1995, com o autógrafo do ídolo Giovanni, além de camisas dos times de 2010, 2011 e 2012.

A coleção de medalhas é outro destaque, há réplicas das medalhas dos títulos mundiais do Peixe. Outra relíquia é um troféu original de 1927, ganhado pelo Santos FC em um torneio disputado contra o América-RJ. A exposição também apresentará fotos originais das primeiras diretorias, selos alusivos ao clube, documentos oficiais e flâmulas originais.

“Reunir todo este acervo só foi possível com a ajuda de outros dois grandes colecionadores de relíquias do Santos. Um deles é o conselheiro do clube, Orlando Rollo, que tem seguramente a maior coleção particular de camisas do Peixe, o outro é José Francisco Meirelles dos Santos, também conselheiro santista, que tem um museu particular sobre Pelé no seu antiquário em São Vicente. Também agradecemos ao Departamento de Marketing do clube por ter incluído nossa exposição nas festividades oficiais do Centenário”, contou Paulo de Carvalho, organizador da exposição.

alguns VISITANTES que já estiveram
prestigiando a exposição:

Abel, ex-jogador do Santos Futebol Clube visitou a exposição e concedeu entrevista para TV Record.

Maneco (zagueiro) e Lalá (goleiro), ambos ex-jogadores do Santos Futebol Clube, também estiveram visitando a exposição.

Geraldino, ex-jogador do Santos Futebol Clube nos áureos anos 60 também esteve visitando a exposição.

Jonas Eduardo Américo, o grande Edu, ex-jogador do Santos Futebol Clube, marcou presença!

Jornalista Ademir Quintino também foi prestigiar a linda exposição!

Manoel Maria, também ex-jogador do Santos Futebol Clube durante sua visita à exposição.

O Sr. José Macia (Pepe, o Canhão da Vila, #ÍdoloEterno) também prestigiou a exposição e concedeu entrevista para TV Tribuna enquanto ao lado os também ex-jogadores do Santos, Manoel Maria e Toninho Vieira, conversavam alegremente.

A visitação é gratuita e o horário de funcionamento será das 8 às 17h30, entre os dias 19 de março e 20 de abril. O endereço do Antiquário Casa do Povo é Rua Xavier Pinheiro, 179 (esquina com a Rua Campos Mello), no bairro de Vila Mathias.

Todos os visitantes concorrerão a camisas oficias do Peixe!

NA MÍDIA

A bela exposição tem sido amplamente divulgada, já foi alvo de matérias no blog Santos 100pre Santos (A Tribuna), Jornal A Tribuna,  no site Santista Roxo, no site globoesporte.com, no site Santástico.net, no site 3VS, no jornal Metro Santos, no Blog do Ademir Quintino, na TV Record, na TV Tribuna e na VTV-SBT. Entre todos estes e outros, a TV Bandeirantes também gravou uma matéria, confira abaixo:

Eu pretendo visitar a exposição em breve, tenho certeza que vale muito à pena, visite você também e depois não deixe de me contar seu sentimento à respeito.

Por ora é só, até o próximo post!

Edmar Junior


PRÉ-ESTREIA: SANTOS 100 ANOS DE FUTEBOL ARTE

TRAILER


Edmar Junior