“Rei de muitas cores”, um samba em homenagem ao Rei do Futebol.

A mistura Samba & Futebol combina tanto quanto Pelé combinava com bola. Sensíveis a isso, dois araçatubenses, um são-paulino e um corinthiano, gravaram em 1979 um samba em homenagem ao Rei do Futebol. “Rei de Muitas Cores” tem letra e música do compositor José Alves e interpretação de Mário Eugênio.

Jose Alves - Blog DNA Santastico

José Alves

A letra retrata o saudosismo em que cairiam os fãs que jamais tornariam a ver jogadas tão belas às que Pelé proporcionou aos amantes do futebol sua carreira vestindo as camisas do Santos F.C. e da Seleção Brasileira. José Alves também fala da emoção que tomou conta dos torcedores na despedida de Pelé.

O Rei fez algumas despedidas do futebol. Mas a despedida a que o compositor se refere é a que ele fez com a camisa do Santos no dia 2 de outubro de 1974, contra a Ponte Preta, jogo vencido pelo time da Vila Belmiro por 2 a 0.

Rei Pele - Despedida SFC - Blog DNA Santastico (6)

Assim que o juiz deu o apito final, Pelé se ajoelhou no centro do gramado, posteriormente chorou com a camisa dos Santos nas mãos. “Na hora da despedida, quase morri de emoção ao ver o Rei chorando com a camisa na mão”, diz um trecho do samba.

Rei Pele - Despedida SFC - Blog DNA Santastico (5)

Rei Pele - Despedida SFC - Blog DNA Santastico (1)

José Alves da Silva, 78 anos, diz que admirou Pelé desde o início da carreira, apesar de ser são-paulino (e é disso que a letra da música fala: Pelé era ídolo de todos). Conhecido como carnavalesco, José Alves diz ter umas 20 composições, mas “Rei de Muitas Cores” é a mais popular. Abalado por doença que enfraqueceu sua memória, o são-paulino não se recorda de jogos marcantes de Pelé contra o seu time.

Mario Eugênio

Mário Eugênio

Ao contrário do compositor, o corinthiano Mário Eugênio, que interpreta a música, se lembra muito bem de Pelé jogando contra seu time. “Gostava de ver o Pelé jogar, menos contra o Corinthians”, diz em tom de divertimento. O cantor considera muito bonita a letra da música. “Se fosse gravada por um medalhão da música popular, poderia ter estourado nas paradas de sucesso”, afirma.

José Alves procurou grandes nomes da MPB para gravar seu samba, mas não obteve sucesso. Mesmo com a memória fraca, ele se recorda de ter procurado Pelé várias vezes para mostrar seu trabalho, mas nunca teve a oportunidade de ficar frente a frente com o Rei.

A homenagem a Pelé está no disco (LP) intitulado “Coração Apaixonado”, pela gravadora alternativa Akison, de 1979. Além de “Rei de Muitas Cores”, José Alves assina outras três faixas (Tá na Hora, Roda de Samba e Mora na Geografia). O disco foi patrocinado pelo empresário araçatubense Mário Carlos de Oliveira, já falecido. Ouça a música:

Rei Pele - Despedida SFC - Blog DNA Santastico (7)

Banner Curso Trader Esportivo

Quer aprender a ganhar uma grana enquanto assiste aos jogos do PEIXE? Clique na imagem e saiba mais…


Por ora, é só! Deixe seu comentário (você pode inclusive usar seu perfil do Facebook para isto) e até o próximo post!

Edmar Junior - Blog DNA Santastico

Edmar Junior

Torcedor do Santos FC por hereditariedade.
– Sócio do Santos FC desde 08/2006.
Ex-Diretor Social da Associação Movimento Resgate Santista
– Membro da ASSOPHIS (Assoc. dos Pesq. e Historiadores do SFC)
Membro da Confraria do Futebol Paulista/Por um Futebol Melhor
– Membro do Memofut (Grupo Literatura e Memória do Futebol)
Colecionador de livros sobre o Santos FC e seus ídolos.
Campeão do Quiz do Torcedor no Navio do Centenário.
Mantenedor do Blog DNA Santástico.

  | 

Banner Trader Esportivo - 600 x 120 - Blog DNA Santástico

Uma trilha sonora SANTÁSTICA para nação santista curtir enquanto navega:

SoundCloudSFC - Blog DNA Santastico

Clique na imagem e divirta-se!

Anúncios

Uma resposta para ““Rei de muitas cores”, um samba em homenagem ao Rei do Futebol.

  1. HAROLDO BIRSZTEIN

    Parabéns pela iniciativa !!!!
    Somos fanáticos por futebol e , apesar de não torcer pelo mesmo time , temos um ídolo em comum que é o Rei Pelé.
    Estou fazendo uma obra onde vou expor em um quadro todos meus ingressos de jogos que Pelé atuou e Jornais e revistas da década de 50,60 e 70 que apresentem reportagens sobre os títulos na qual ele conquistou . O trabalho ainda contem técnica de colagem onde uma artista chamada Sylvia Soares vai retratar o Pelé. Deverá ficar pronto no final deste mês e se houver interesse podemos combinar uma eventual publicação . Abraço . Haroldo.

    Curtir

Comente aqui:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s