Arquivo da categoria: Santos Futebol Clube

Santos FC – Uma História Contada em Versos | 19º Capítulo

Poesia - Santos FC - Blog DNA Santástico

O Blog DNA Santástico orgulhosamente apresenta o 19º capítulo de “SANTOS FC – UMA HISTÓRIA CONTADA EM VERSOS”, de autoria do torcedor santista Roberto Dias Alvares, cuja obra conta a história do glorioso alvinegro praiano e momentos importantes do futebol brasileiro na forma de versos em aproximadamente 700 estrofes no sistema de quadras, onde o primeiro verso rima com o terceiro e o segundo rima com o quarto.

Neste capítulo a obra abrangerá o período de 1985 a 1989, apreciem:

SANTOS FC – UMA HISTÓRIA CONTADA EM VERSOS
| 19º capítulo |

 1985

Na Copa Kirin no Japão,
A Seleção da Malásia foi goleada.
Goleou também o país anfitrião.
Yomiure e West Ham nesta jornada,
também venceu pra ser campeão.

Da Copa Kirin a decisão:
Uruguai e Santos, frente a frente.
Santos quatro a dois, campeão.
Fazendo a torcida ficar contente.

Santos - Copa Kirin - Blog DNA Santástico

Ganhou a Taça Tancredo Neves.
Homenagem a este grande presidente.
Venceu estes torneios breves,
deixando o torcedor contente.

1987

Taça Ademar Santillo,
contra Atlético Goianiense.
O Santos mantem o seu brilho,
por dois a um o Peixe vence.

SFC 87 - Rodolfo Rodriguez-Nildo-Raul-Toninho Carlos e Claudinho-Osmarzinho-Osvaldo-Chicão-Cesar Sampaio-Mendonça e Eder

Santos Futebol Clube de 1987 em pose para foto na Vila Belmiro.

Clube onde tradição é sua herança,
o Santos não perde o pique.
Taça Cidade de Marseille na França.
Venceu o Hamburgo e Olympique.

1988

Sócrates realiza seu desejo:
joga no time do coração.
De calcanhar mostra seu traquejo,
Levando á arquibancada, emoção.

O Santos abre o placar:
Gol olímpico, Mendonça faz.
Apesar de o adversário empatar,
Sócrates mostrou do que era capaz.

Sócrates - Santos - Blog DNA Santástico

Contra o antigo clube jogando,
seu talento decidiu a partida.
Cesar Ferreira acabou marcando,
graças a um passe seu, na medida.

Troféu Diário dos Campos,
no Paraná contra o Operário.
Mais um titulo, de tantos
deste time extraordinário.

1989

Conquistou o Torneio da Amizade,
Seleção da China e equipes chinesas.
Ganhou com certa facilidade.
Mais uma taça, a maior das certezas.

Autor: Roberto Dias Alvares

O Blog DNA Santástico na figura de seu mantenedor, Edmar Junior, reitera agradecimento ao amigo Roberto Dias Alvares pela confiança, parabeniza pela iniciativa e pela belíssima obra que homenageia e exalta o glorioso Santos Futebol Clube.

Em breve o 20º capítulo de Santos FC – Uma história contada em versos será publicada aqui, não percam!

Veja Tambem - Blog DNA Santastico

Santos FC – Uma história contada em versos – 1º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 2º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 3º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 4º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 5º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 6º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 7º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 8º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 9º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 10º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 11º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 12º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 13º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 14º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 15º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 16º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 17º capítulo

Santos FC – Uma história contada em versos – 18º capítulo


Banner Curso Trader Esportivo

Quer aprender a ganhar uma grana enquanto assiste aos jogos do PEIXE? Clique na imagem e saiba mais…


Por ora, é só! Deixe seu comentário (você pode inclusive usar seu perfil do Facebook para isto) e até o próximo post!

Edmar Junior - Blog DNA Santastico

Edmar Junior

Torcedor do Santos FC por hereditariedade.
– Sócio do Santos FC desde 08/2006.
Ex-Diretor Social da Associação Movimento Resgate Santista
– Membro da ASSOPHIS (Assoc. dos Pesq. e Historiadores do SFC)
Membro da Confraria do Futebol Paulista/Por um Futebol Melhor
– Membro do Memofut (Grupo Literatura e Memória do Futebol)
Colecionador de livros sobre o Santos FC e seus ídolos.
Campeão do Quiz do Torcedor no Navio do Centenário.
Mantenedor do Blog DNA Santástico.

  | 

Banner Trader Esportivo - 600 x 120 - Blog DNA Santástico

Anúncios

Simplesmente Dorval

Dorval Rodrigues nasceu em Porto Alegre (RS) no dia 26 de fevereiro de 1935, começou a carreira nos juvenis do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense. Transferiu-se para o Esporte Clube Força e Luz como profissional, onde permaneceu dos 17 aos 19 anos. Em 1956 foi vendido ao Santos, empresariado por Arnaldo Figueiredo, dirigente do Força e Luz.

Dorval - Santos - 01 - Blog DNA Santástico

Sua estreia no Alvinegro aconteceu no dia 20/05/1956, em partida amistosa jogada no Estádio Mário Alves de Mendonça, em São José do Rio Preto, na vitória pelo placar de 3 a 1 diante do América local, com Pagão, Alfredinho e Tite marcando os tentos santistas. Na ocasião, o time formou com: Manga (Osvaldo), Hélvio (Sarno) e Ivan; Ramiro, Formiga (Feijó) e Zito; Alfredinho (Dorval), Jair Rosa Pinto (Pepe), Pagão (Del Vecchio), Vasconcelos e Tite. O técnico era Luiz Alonso, o Lula.

Dorval - Santos - 04 - Blog DNA Santástico

No início de 1957, Dorval foi emprestado ao Juventus da rua Javari, onde se destacou na preparação do campeonato paulista daquele ano, mas 3 meses retornou ao Santos como titular no lugar de Alfredinho.

Já em 1960, o Santos tinha Dorval, Mengálvio, Coutinho, Pelé e Pepe, considerada a maior linha de meio e ataque da história do futebol brasileiro. Em 1964, Dorval foi vendido junto com Batista e Luís Claudio para o Racing da Argentina. Como o clube argentino não quitou o passe do trio, Dorval acabou retornando ao Santos em 1965, ficando até 67.

Dorval, Melgávio, Coutinho, Pelé e Pepe - Blog DNA Santástico

Dorval, Melgávio, Coutinho, Pelé e Pepe

Dorval jogou pelo alvinegro praiano 610 partidas (5º que mais atuou) e marcou 193 gols, sendo o sexto artilheiro na tábua geral do time da Vila Belmiro segundo números do Almanaque do Santos FC de Guilherme Nascimento. A última vez em que vestiu a camisa do Santos foi no dia 23/04/1967, na vitória pelo placar de 3 a 0, diante do Bangu, no Pacaembu, no Torneio Roberto Gomes Pedrosa, quando substituiu o ponta-direita Copeu, com Edu marcando dois gols e Pelé um.

Dorval - Blog DNA Santástico

Em seguida, acertou com o Palmeiras. No clube do Palestra Itália jogou com Ademir, Zequinha, César Maluco, Servílio, Djalma Santos, Geraldo e Tupãzinho. Pelo Palmeiras, foram apenas 20 jogos (12 vitórias, 4 empates, 4 derrotas) e nenhum gol marcado.

Em 1968 foi para o Atlético Paranaense, onde jogou até 1971. Foi campeão paranaense em 70, ao lado de Bellini, Zé Roberto, Nílton Dias, Nílson e Sicupira. Ficou seis meses na Venezuela defendendo o Valencia. Depois veio para o SAAD, junto com Coutinho e Joel, encerrando a carreira em 1972.

Frases e curiosidades:

“A maior glória que tive foi defendendo o Santos, onde conquistei cinco títulos paulistas, o Bi-Mundial, duas Libertadores, quatro Rio-São Paulo e cinco Taças do Brasil.”

“Em 65, o Dalmo foi expulso em uma partida contra o Botafogo-RJ e fui deslocado para a lateral para marcar o Garrincha. Eu era mais rápido do que ele e acabava ganhando as jogadas pela direita. Vencemos aquela partida por 3 a 1. Mas, era muito difícil marcar o Garrincha.”

Sobre a história contada por Pepe, afirmando que Dorval dançou com um Travesti sem saber. “A história do Pepe, é tudo mentira, o Pepe é um tremendo mentiroso. O Pepe era um jogador que não saía da concentração, mas ficava inventando história de todo mundo”, brinca o ponta.

Dorval - Gosto não se discute - Blog DNA Santástico

“Eu, o Tite e o Coutinho gostávamos de sair. O Pelé, por ser muito famoso, não se expunha muito.”

Dorval era conhecido como locomotiva dentro dos campos, mas fora deles, ganhou fama como Pé-de-Valsa e Macalé entre os jogadores do Santos.

Gilmar; Carlos Alberto Torres, Mauro Ramos de Oliveira, Formiga e Nílton Santos; Zito, Garrincha, Didi, Coutinho, Pelé e Pepe. Técnico Lula. Esta é a seleção de todos os tempos de Dorval.

Na Seleção Brasileira Dorval jogou 13 partidas e marcou um gol.

Dorval - Seleção - Blog DNA Santástico

Depois de pendurar as chuteiras…

Após encerrar sua carreira Dorval dedicou parte do seu tempo para atuar em projetos sociais com objetivo de buscar talentos, lapidar e formar jogadores para serem encaminhados para clubes profissionais.

Dorval também costuma prestigiar eventos, já estive com ele várias vezes, é sempre um grande prazer encontrar este eterno ídolo que honrou muito o manto sagrado da Vila.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Na data de publicação deste post o ídolo Dorval completou 82 anos de vida.

Feliz Aniversário Dorval - Blog DNA Santástico

No 26º episódio do Universo Santástico apresentando por André Argolo, a entrevista foi com o maior ponta direita da história do Santos FC… A simplicidade em pessoa! Confira:

Dorval - Universo Santástico - Blog DNA Santástico

Créditos: Santos FC, Assophis, Que Fim Levou, Tardes de Pacaembu, Universo Santástico

Banner Curso Trader Esportivo

Quer aprender a ganhar uma grana enquanto assiste aos jogos do PEIXE? Clique na imagem e saiba mais…


Por ora, é só! Deixe seu comentário (você pode inclusive usar seu perfil do Facebook para isto) e até o próximo post!

Edmar Junior - Blog DNA Santastico

Edmar Junior

Torcedor do Santos FC por hereditariedade.
– Sócio do Santos FC desde 08/2006.
Ex-Diretor Social da Associação Movimento Resgate Santista
– Membro da ASSOPHIS (Assoc. dos Pesq. e Historiadores do SFC)
Membro da Confraria do Futebol Paulista/Por um Futebol Melhor
– Membro do Memofut (Grupo Literatura e Memória do Futebol)
Colecionador de livros sobre o Santos FC e seus ídolos.
Campeão do Quiz do Torcedor no Navio do Centenário.
Mantenedor do Blog DNA Santástico.

  | 

Banner Trader Esportivo - 600 x 120 - Blog DNA Santástico

Dorival é 100

A fase não é das melhores, mas a vitória de hoje (25/02) do Santos FC diante do Botafogo-SP pela 6ª rodada do Paulistão 2017 registrou também uma marca histórica para o técnico Dorival Júnior, ele alcançou a centésima vitória no comando do Santos FC, somando as duas passagens.

Dorival Júnior - Blog DNA Santástico

Na mais que centenária história do Clube, Dorival é o sétimo treinador a alcançar esse número.

Fonte: Santos FC

Dorival Junior e Edmar Junior - Blog DNA Santástico

Dorival Júnior e Edmar Junior

Banner Curso Trader Esportivo

Quer aprender a ganhar uma grana enquanto assiste aos jogos do PEIXE? Clique na imagem e saiba mais…


Por ora, é só! Deixe seu comentário (você pode inclusive usar seu perfil do Facebook para isto) e até o próximo post!

Edmar Junior - Blog DNA Santastico

Edmar Junior

Torcedor do Santos FC por hereditariedade.
– Sócio do Santos FC desde 08/2006.
Ex-Diretor Social da Associação Movimento Resgate Santista
– Membro da ASSOPHIS (Assoc. dos Pesq. e Historiadores do SFC)
Membro da Confraria do Futebol Paulista/Por um Futebol Melhor
– Membro do Memofut (Grupo Literatura e Memória do Futebol)
Colecionador de livros sobre o Santos FC e seus ídolos.
Campeão do Quiz do Torcedor no Navio do Centenário.
Mantenedor do Blog DNA Santástico.

  | 

Banner Trader Esportivo - 600 x 120 - Blog DNA Santástico

Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima…

Neste sábado (25) de Carnaval o Santos Futebol Clube enfrentou na Vila Belmiro o Botafogo de Ribeirão Preto pela 6ª rodada do Paulistão 2017.

Após um primeiro tempo sem grandes emoções o Peixe melhorou no segundo tempo e venceu o jogo por 2 x 0 com gols de Vítor Bueno e Rafael Longuine.

Vitor Bueno - Blog DNA Santastico

Vitor Bueno – Foto: Ivan Storti/ Santos FC

O resultado foi de suma importância, pois representa a reabilitação do Peixe no campeonato após 3 jogos sem vitórias.

Rafael Longuine - Blog DNA Santastico

Rafael Longuine – Foto: Ivan Storti/ Santos FC

É isso aí Peixe, como se diz no samba:

♫ Levanta, sacode a poeira e dá a volta por cima… 


FICHA TÉCNICA:
SANTOS FC 2 X 0 BOTAFOGO (SP)

Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 25 de fevereiro de 2017, sábado, às 17h
Gols: Vitor Bueno, aos 18 e Rafael Longuine, aos 46 minutos do segundo tempo.
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza
Assistentes: Gustavo Rodrigues de Oliveira e Vitor Carmona Metestaine

SANTOS FC: Vladimir; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Yuri (Cleber) e Zeca; Leandro Donizete (Rafael Longuine), Thiago Maia e Vitor Bueno; Bruno Henrique (Arthur Gomes), Copete e Ricardo Oliveira. Técnico:Dorival Júnior

BOTAFOGO (SP): Neneca; Samuel Santos, Caio Ruan, Filipe e Fernandinho; Bileu, Marcão Silva, Diego Pituca (Fernando Medeiros) Rafael Bastos (Bernardo); Francis e Wesley (Kaue). Técnico: Moacir Júnior


Bastidores

O elenco do Santos FC se reapresenta na terça-feira (28), visando o confronto contra o Corinthians, no sábado (4), em São Paulo.

Veja Tambem - Blog DNA Santastico

Noite Ilustrada e o Homem de Três Corações

Noite Ilustrada e Pelé - Blog DNA Santastico

Da esquerda para a direita, em 1967, na Vila Belmiro: o empresário do cantor Noite Ilustrada, o próprio Noite Ilustrada, Odair Pimentel, Pelé (de violão) e Cícero Bucci. Odair e Cícero cobriam o Santos diariamente para a Folha da Tarde

Banner Curso Trader Esportivo

Quer aprender a ganhar uma grana enquanto assiste aos jogos do PEIXE? Clique na imagem e saiba mais…


Por ora, é só! Deixe seu comentário (você pode inclusive usar seu perfil do Facebook para isto) e até o próximo post!

Edmar Junior - Blog DNA Santastico

Edmar Junior

Torcedor do Santos FC por hereditariedade.
– Sócio do Santos FC desde 08/2006.
Ex-Diretor Social da Associação Movimento Resgate Santista
– Membro da ASSOPHIS (Assoc. dos Pesq. e Historiadores do SFC)
Membro da Confraria do Futebol Paulista/Por um Futebol Melhor
– Membro do Memofut (Grupo Literatura e Memória do Futebol)
Colecionador de livros sobre o Santos FC e seus ídolos.
Campeão do Quiz do Torcedor no Navio do Centenário.
Mantenedor do Blog DNA Santástico.

  | 

Banner Trader Esportivo - 600 x 120 - Blog DNA Santástico

O mais santista de todos os santistas

Nascido em Santos no dia 25 de fevereiro de 1935, no mesmo ano em que o Santos FC conquistava seu primeiro Campeonato Paulista, José Macia, pode ser considerado o mais santista de todos os santistas.

Iniciou sua carreira jogando em São Vicente, onde morou durante a juventude. Chegou para o único clube que defenderia como jogador pelo Cobrinha em 1951 junto com Del Vecchio.

Estreou no quadro profissional em 1954 com o técnico italiano Giuseppe Ottina. Mas quando Lula (com quem havia trabalhado e se destacado nos juvenis) subiu para treinar os profissionais, que Pepe começou a se destacar no time.

Já em seu segundo ano, ajudava o Santos a conquistar o Campeonato Paulista, que não vinha desde 1935, ano em que José Macia nasceu. Além do gol do “título” que deu a vitória sobre o Taubaté por 2 a 1, Pepe participou de 13 jogos da campanha, marcando 10 gols.

Pepe - Campeão de 195 - Blog DNA Santastico

Era apenas o primeiro das dezenas de títulos em sua vitoriosa carreira!

Poucos são os jogadores que podem dizer que conquistou de tudo, só Pepe pode dizer que ganhou mais que todos!

Em sua carreira, Pepe tem em seu currículo 13 títulos de Campeonato Paulista conquistados (11 como jogador do Santos e um como técnico e um como técnico da Inter de Limeira).

Também é dele o posto de maior vencedor do Campeonato Brasileiro com 7 títulos conquistados (6 como jogador do Santos e um como técnico do São Paulo).

Vale lembrar que Pepe também conquistou pela Seleção Paulista duas vezes o extinto, mas tradicional Campeonato Brasileiro de Seleções Estaduais no ano de 1956 e 1959.

Junto com Zito, Dorval, Pelé, Coutinho e Laércio, é recordista de conquistas de Rio-SP com 4 títulos.

Segundo maior artilheiro do Santos com 405 gols. Neste caso abrimos um parenteses e lembramos que ele é o maior recordista humano, já que Pelé é de outro planeta!

PDF - Blog DNA Santastico

Segundo jogador que mais atuou com a camisa do Santos com 750 jogos.

Pepe - Blog DNA Santastico

Quarto maior artilheiro dos clubes brasileiros ficando atrás de Pelé com 1091, Roberto Dinamite com 620 e Zico com 500 gols.

Segundo maior artilheiro do Santos na Seleção Brasileira com 22 gols, onde conquistou os títulos das Copas do Mundo de 1958 e 1962 além de outros títulos tradicionais como os Bi da Copa Rocca, e das Taça do Atlântico e Oswaldo Cruz e a Taça Bernardo O’Higgins.

É dele também o recorde de mais títulos oficiais com a camisa do Santos com 27 conquistas, um a mais do que Pelé.

Entre as 27 conquistas, destaques para o Bicampeonato da Libertadores e o Bicampeonato Mundial Interclubes.

Dono de uma carreira exemplar, Pepe também conquistou o cobiçado Prêmio Belfort Duarte, que condecorava atletas com mais de 200 jogos ou 10 anos de carreira sem expulsão!

Terceiro técnico que mais treinou o Santos com 371 jogos, 176 vitórias, 112 empates e 83 derrotas nas passagens 1972-1974/1975/1979-1980/1989-1990/1993-1994. Além do título Paulista pelo seu Santos em 1973, Pepe também conquistou diversos títulos por onde passou.

Fortaleza
Campeonato Cearense de Futebol de 1985

Inter de Limeira
Campeonato Brasileiro de Futebol de 1988 – Série B
Campeonato Paulista de Futebol de 1986

São Paulo
Campeonato Brasileiro de Futebol de 1986

Verdy Kawasaki
Campeonato Japonês de Futebol: 1991-92

Atlético-PR
Campeonato Brasileiro de Futebol de 1995 – Série B

Neste sábado, data de publicação deste post, podemos chamar o dia de Pepe Day! O nosso eterno Canhão completa mais um ano de vida, 82 anos!

Parabéns e e obrigado Pepe!

Texto: Assophis
Associação dos Pesquisadores e Historiadores do Santos FC

Pepe e Edmar Junior - Blog DNA Santastico

Pepe e Edmar Junior

Banner Curso Trader Esportivo

Quer aprender a ganhar uma grana enquanto assiste aos jogos do PEIXE? Clique na imagem e saiba mais…


Por ora, é só! Deixe seu comentário (você pode inclusive usar seu perfil do Facebook para isto) e até o próximo post!

Edmar Junior - Blog DNA Santastico

Edmar Junior

Torcedor do Santos FC por hereditariedade.
– Sócio do Santos FC desde 08/2006.
Ex-Diretor Social da Associação Movimento Resgate Santista
– Membro da ASSOPHIS (Assoc. dos Pesq. e Historiadores do SFC)
Membro da Confraria do Futebol Paulista/Por um Futebol Melhor
– Membro do Memofut (Grupo Literatura e Memória do Futebol)
Colecionador de livros sobre o Santos FC e seus ídolos.
Campeão do Quiz do Torcedor no Navio do Centenário.
Mantenedor do Blog DNA Santástico.

  | 

Banner Trader Esportivo - 600 x 120 - Blog DNA Santástico

Enquete | Dorival Junior

Torcedor Santista, o Peixe vem de duas derrotas seguidas no Paulistão 2017, hoje enfrentaremos o Ituano, em caso de nova derrota, qual sua opinião sobre o técnico Dorival Junior, vote:

** Votação encerrada, obrigado a todos que participaram! **

Banner Curso Trader Esportivo

Quer aprender a ganhar uma grana enquanto assiste aos jogos do PEIXE? Clique na imagem e saiba mais…


Por ora, é só! Deixe seu comentário (você pode inclusive usar seu perfil do Facebook para isto) e até o próximo post!

Edmar Junior - Blog DNA Santastico

Edmar Junior

Torcedor do Santos FC por hereditariedade.
– Sócio do Santos FC desde 08/2006.
Ex-Diretor Social da Associação Movimento Resgate Santista
– Membro da ASSOPHIS (Assoc. dos Pesq. e Historiadores do SFC)
Membro da Confraria do Futebol Paulista/Por um Futebol Melhor
– Membro do Memofut (Grupo Literatura e Memória do Futebol)
Colecionador de livros sobre o Santos FC e seus ídolos.
Campeão do Quiz do Torcedor no Navio do Centenário.
Mantenedor do Blog DNA Santástico.

  | 

Banner Trader Esportivo - 600 x 120 - Blog DNA Santástico

Santos FC x Ituano | Histórico

Hoje 21/02/2017, às 21:30, no Estádio Novelli Júnior o Peixe enfrenta o Ituano.

Histórico Santos FC x Ituano

Santos x Ituano - Blog DNA Santástico

Santos FC e Ituano já FC se enfrentaram 27 vezes, e a vantagem é do Peixe, com 18 vitórias contra apenas 3 vitórias do Galo e 6 empates. O Peixe marcou 57 gols e sofreu 24.

O primeiro encontro

O primeiro confronto aconteceu em 23/02/1954 na Vila Belmiro, e o Santos goleou com facilidade o time do goleiro do Mão de Onça por 4 a 1 na Vila Belmiro. Álvaro marcou dois tentos, Urubatão e Paulinho completaram o marcador. O Peixe do treinador italiano Giuseppe Otinna formou com Luiz; Hélvio Piteira e Feijó; Gueguê, Urubatão,(Cássio) e Zito (Toninho); Boca (Paulinho), Walter Marciano, Álvaro Valente, (Naldo), Vasconcelos (Fernando) e Tite (Carlinhos)

36 anos depois

Depois de um longo jejum de confrontos, Santos e Ituano voltaram a se enfrentar em 11/03/1990 novamente na Vila Belmiro, pelo campeonato Paulista. O Santos venceu por 2 a 0 com gols de Paulinho Mclaren aos 12′ e Gilmar em cobrança de falta aos 17′ minutos da segunda etapa. O Peixe do treinador José Macia formou com Sérgio; Índio, Márcio Rossini, Camilo e Marcelo Veiga; César Sampaio, Derval e Gilmar (César Ferreira); Henrique (Serginho Chulapa), Paulinho Mclaren e Zé Humberto.

Hat-trick de Guga

Pelo campeonato Paulista de 1993, no dia 20/02 Guga balançou as redes três vezes na vitória de 4 a 1 no Estádio Novelli Jr. O meia Cuca, hoje técnico do Atlético MG completou a goleada. O Santos não vencia o Ituano desde 1990, cinco jogos.

O Peixe do ex craque Evaristo de Macedo formou com Maurício Assoline, Índio, Júnior, Vilson e Silva; Axel, Darci e Cuca; Almir(Zé Renato), Guga e Cilinho(Raniélli).

Mauricio em dia de Rodolfo Rodriguez

Também pelo Paulista de 1993, o Peixe goleou o Ituano na Vila por 5 a 1 de virada, com gols do volante Gallo, Marcelo Passos, Serginho Fraldinha e Guga (2). O centroavante Guga que terminaria o Brasileiro daquele ano como artilheiro, é o carrasco time de Itu com seis gols marcados, seguido pelo hoje técnico Paulinho Mclaren com quatro gols, André e Cícero com três gols cada.

Artilheiros do Santos x Ituano - Blog DNA Santástico

O Peixe do técnico Evaristo de Macedo formou com Mauricio Assoline; Dinho, Júnior, Gallo e Índio; Rogério, Cuca, (Serginho Fraldinha), Darci e Marcelo Passos(Zé Renato); Cilinho e Guga.

Veja os gols do Peixe e no fim uma sequencia de defesas de Mauricio, que guardada as proporções faz lembrar as defesas de Rodolfo Rodriguez, nove anos antes, na mesma meta, na mesma Vila. Reveja:

Novo longo jejum

Depois de dez anos sem confronto, Santos e Ituano voltaram a se enfrentar na Vila Belmiro no dia 14 de março de 2004 na Vila Belmiro. O Peixe venceu por 2 a 1 com gols do volante Renato e Robson Robgol. O arqueiro santista Doni garantiu a vitória defendendo uma penalidade aos 35 minutos da segunda etapa.
O Peixe do técnico Emerson Leão formou com Doni; Marco Aurélio (Robson), Alex (Pereira), André Luís, Léo; Paulo Almeida, Renato, Elano (Daniel), Diego; Robinho e Basílio. Reveja:

Na corrida pelo título

Para se manter na ponta da tabela do Paulista de 2006 o Santos teve que bater o Ituano na Vila Belmiro por 2 a 0 no dia 19 de Março. Os gols foram anotados pelo zagueiro Luiz Alberto ao 4 e Léo Lima aos 22 da primeira etapa. O Santos do técnico Vanderlei Luxemburgo formou com Fábio Costa; Fabinho, Manzur, Luiz Alberto e Kléber; Maldonado, Wendel, Léo Lima (Magnum) e Rodrigo Tabata (Renatinho) e Ronaldo; Reinaldo.

Reveja o cabeçada de Luiz Alberto e o golaço de Léo Lima :

Vitória com a fama de Itu

Itu é famosa por ser a cidade do exagero. E exagero foi o placar do dia 21 de março de 2010. Jogando no Pacaembu, desfalcado de Neymar e Robinho, o Santos venceu de virada por 9 a 1. Os gols foram marcados por André(3) Ganso(2) Madson(2) Maikon Leite e Zé Eduardo. O Peixe de Dorival Jr formou com Felipe; Wesley, Edu Dracena (Roberto Brum), Durval e Pará (Zé Eduardo); Rodrigo Mancha, Arouca (Maikon Leite), Marquinhos e Paulo Henrique Ganso; Madson e André.

Reveja a goleada histórica:

No ano do Centenário

No campeonato Paulista de 2012, Santos e Ituano se enfrentaram no Anacleto Campanella pela segunda rodada no dia 26 de Janeiro. Com um time reserva o Santos ganhou de virada, 2 a 1 com dois gols de Alan Kardec.

O Santos de Muricy Ramalho que terminaria com o TRIcampeonato Paulista no ano do seu Centenário, formou com Aranha; Maranhão, Bruno Rodrigo, Vinícius Simon e Emerson Palmieri (Crystian); Anderson Carvalho, Ibson e Felipe Anderson; Tiago Luis (Tiago Alves), Alan Kardec e Renteria (Dimba).
Reveja:

O maior de todos os revés

O histórico santista é amplamente favorável, mas no maior de todos os encontros, a decisão do Campeonato Paulista 2014, o time de Itu comandando por Doriva, ficou com o título apos vencer o Santos na disputa dos pênaltis; 7 a 6.
O goleiro Aranha defendeu a cobrança do zagueiro Anderson Salles, revelado nas categorias de base do Santos FC, mas a equipe santista desperdiçou duas cobranças, com o atacante Rildo que acertou a trave e o zagueiro Neto que teve sua cobrança defendida pelo goleiro Vágner.

A decisão, marca também a última narração de Luciano do Valle. Reveja:

O time do técnico Oswaldo de Oliveira formou com Aranha; Cicinho, Neto, David Braz e Mena; Alison, Arouca e Cícero; Geuvânio (Alan Santos), Leandro Damião (Gabriel Barbosa) e Thiago Ribeiro (Rildo).

A última derrota no Pacaembu

No dia 06/04/2014, o Santos perdia para o Ituano a primeira partida da decisão do Paulistão por 1 a 0. De lá para cá, incluindo a vitória no tempo normal da segunda decisão que acabou com o Ituano campeão Paulista 2014, foram 17 vitórias seguidas no Estádio Paulo Machado de Carvalho, recorde da história do Pacaembu.

Este post é uma colaboração de: ASSOPHIS
Associação dos Pesquisadores e Historiadores do Santos FC

Banner Curso Trader Esportivo

Quer aprender a ganhar uma grana enquanto assiste aos jogos do PEIXE? Clique na imagem e saiba mais…


Por ora, é só! Deixe seu comentário (você pode inclusive usar seu perfil do Facebook para isto) e até o próximo post!

Edmar Junior - Blog DNA Santastico

Edmar Junior

Torcedor do Santos FC por hereditariedade.
– Sócio do Santos FC desde 08/2006.
Ex-Diretor Social da Associação Movimento Resgate Santista
– Membro da ASSOPHIS (Assoc. dos Pesq. e Historiadores do SFC)
Membro da Confraria do Futebol Paulista/Por um Futebol Melhor
– Membro do Memofut (Grupo Literatura e Memória do Futebol)
Colecionador de livros sobre o Santos FC e seus ídolos.
Campeão do Quiz do Torcedor no Navio do Centenário.
Mantenedor do Blog DNA Santástico.

  | 

Banner Trader Esportivo - 600 x 120 - Blog DNA Santástico