Arquivo da tag: Ídolos

Chico Formiga

Francisco Ferreira de Aguiar, mineiro, nascido em Araxá em 11/11/1930. Ganhou o apelido de Formiga na infância, devido seu porte físico franzino.

Dos juvenis do Cruzeiro chegou ao Santos em maio de 1950 com apenas 19 anos, fazendo a sua estreia no dia 28, em seu estado natal, na vitória de 2 a 1 frente a Seleção de Juiz de Fora. Integrado aos poucos na equipe participou da campanha do vice campeonato Paulista de 1950.

Chico Formiga - Blog DNA Santástico - Santos FC - 02

O primeiro título

A primeira conquista veio no tradicional Torneio Inicio de 1952 conquistado no Pacaembu frente a Portuguesa de Desportos.

O primeiro grande título

A coroação veio mesmo na conquista do título Paulista de 1955, com a quebra do jejum de 20 anos. Formiga foi um dos jogadores que mais atuou, disputando 23 dos 30 jogos do certame.

Santos Campeão Paulista 1955 - Blog DNA Santástico - Santos FC

Santos Campeão Paulista de 1955

Chico Formiga na Seleção Brasileira

O sucesso durante a campanha vencedora rendeu ao defensor sua primeira convocação para o escrete canarinho. Atuando pelo Peixe, Formiga fez 15 jogos pelo selecionado, com 10 vitórias, 4 empates e 1 derrota entre setembro de 55 a setembro de 59. Conquistou com a seleção a Taça Bernardo O’Higgins, Taça Oswaldo Cruz e Taça do Atlântico.

Chico Formiga - Blog DNA Santástico - Seleção Brasileira - 01

Seleção Paulista

Na Seleção Paulista, Formiga participou no total de 11 jogos e se sagrou campeão Brasileiro duas vezes.

Também foi técnico do selecionado Paulista em 1981.

No começo de 1956, conquistou o Torneio Roberto Gomes Pedrosa Internacional, organizado pela FPF, com as presenças dos argentino Newell’s Old Boys, Boca Jrs e o uruguaio Nacional.

Bicampeonato

Em 1957 conquistou o primeiro Bicampeonato Paulista da história do Santos, com a conquista referente ao ano de 1956. Participou de 12 jogos dos 20 do certame.

Breve Adeus

Com o seu estilo clássico que não dava chutões, atuando na zaga, de volante ou na lateral, Formiga despertou o interesse do Palmeiras, que por seu passe fez uma valorosa proposta em troca em definitivo dos passes do arqueiro Laércio Milani, e o experiente Jair Rosa Pinto que já estava na Vila Belmiro, e ainda 2.000,000 cruzeiros e um amistoso com garantia mínima de 130,000 cruzeiros. A maior transação do futebol até então.

A volta

De volta ao Santos em 1959, reestreou na vitória de 7 a 1 contra a Internazionale de Milão na conquista do troféu Naranja, na primeira excursão santista pela Europa. Nessa segunda passagem participou da campanha do Tricampeonato Paulista 60/61/62 e da conquista da Copa Libertadores da América 1962.

Chico Formiga - Blog DNA Santástico - Santos FC - 01

Seu Chico, o “pai” dos Meninos da Vila

Com 410 jogos disputados e inúmeras conquistas como jogador, Formiga também teve grande destaque no comando técnico do Santos.

Assumiu em uma fase conturbada, em que a torcida do Santos explodia nas arquibancadas em números (segunda maior torcida do estado) e pressionava por contratações de peso. Sem dinheiro para contratações bombásticas, apostou na base santista para completar o elenco.

Chico Formiga - Blog DNA Santástico - Santos FC - 03

Com seu jeitão mineiro, se referia aos jovens jogadores como meninos. Manoel Ramos repórter do plantão da Radio Tupi logo apelidou de Meninos da Vila!

O sucesso foi imediato, e já no primeiro campeonato disputado desde o inicio, conquistou o Paulista 78 em meados de 1979!

O primeiro grande título depois da Era Pelé!

Dirigiu a equipe em 250 jogos com 114 vitórias, 80 empates e 56 derrotas em suas três passagens como treinador.

Conquistou o Torneio dos vencedores da América em 1983 e levou a equipe ao vice campeonato Brasileiro em 1983.

Chico Formiga - Blog DNA Santástico - Santos FC - 04

Fonte: Associação dos Pesquisadores e Historiadores do Santos FC.

Banner Magazine DNA Santastico

Mureta de Santos - Blog DNA Santastico


Por ora, é só! Deixe seu comentário e até o próximo post!

Edmar Junior - Blog DNA Santastico

Edmar Junior

Torcedor do Santos FC por hereditariedade.
– Sócio do Santos FC desde 08/2006.
– Ex-Diretor Social da Associação Movimento Resgate Santista
– Membro da ASSOPHIS (Assoc. dos Pesq. e Historiadores do SFC)
– Membro da Confraria do Futebol Paulista/Por um Futebol Melhor
– Membro do Memofut (Grupo Literatura e Memória do Futebol)
Colecionador de livros sobre o Santos FC e seus ídolos.
Campeão do Quiz do Torcedor no Navio do Centenário.
Mantenedor do Blog DNA Santástico.
Mantenedor do Instagram @dnasantastico

Veja Tambem - Blog DNA Santastico

Logo Oficial Edmar Junior


ebook-guia-definitivo-para-criar-o-seu-negocio-online

Sérgio Guedes

Natural de Rio Claro, Sérgio Guedes foi contratado na gestão do Miguel Assad junto a Ponte Preta por irrisórios 100.000 cruzados novos!

Sérgio Guedes - Blog DNA Santástico - Santos FC

Sucessor de Rodolfo Rodriguez, Sérgio atuou na meta santista em 241 partidas.

Convocado por Falcão para renovar a Seleção derrotada na Copa de 90, quebrou um longo jejum sem santistas no selecionado, Dema havia sido convocado em 1985. Foi capitão da Seleção e atuou no último jogo de Pelé! Mas sob comando de Carlos Alberto Parreira fez apenas mais um jogo!

Média de 0,71 gol sofrido por jogo.

Essa foi a média do Santos no Brasileiro 1990, quiça a melhor do Santos na história em campeonatos Brasileiro. Uma defesa bem sólida que pouco tomava gols, para se ter uma ideia, 1/3 desses 15 gols sofridos foram para o Fluminense, um 5 a 2 em São Januário. Em 11 de 21 jogos, Sérgio não sofreu gols.

Abaixo vídeo produzido pela Associação dos Pesquisadores e Historiadores do Santo FC em homenagem ao goleirão:

Sérgio foi certamente um dos melhores goleiros da história do Santos FC. Até hoje tenho guardado um autógrafo que ele me concedeu após um jogo em 1989.

Autografo Sergio Guedes - Blog DNA Santastico - Santos FC

Banner Magazine DNA Santastico

Mureta de Santos - Blog DNA Santastico


Por ora, é só! Deixe seu comentário e até o próximo post!

Edmar Junior - Blog DNA Santastico

Edmar Junior

Torcedor do Santos FC por hereditariedade.
– Sócio do Santos FC desde 08/2006.
– Ex-Diretor Social da Associação Movimento Resgate Santista
– Membro da ASSOPHIS (Assoc. dos Pesq. e Historiadores do SFC)
– Membro da Confraria do Futebol Paulista/Por um Futebol Melhor
– Membro do Memofut (Grupo Literatura e Memória do Futebol)
Colecionador de livros sobre o Santos FC e seus ídolos.
Campeão do Quiz do Torcedor no Navio do Centenário.
Mantenedor do Blog DNA Santástico.
Mantenedor do Instagram @dnasantastico

Veja Tambem - Blog DNA Santastico

Logo Oficial Edmar Junior


ebook-guia-definitivo-para-criar-o-seu-negocio-online

Calvet

No dia 03 de novembro de 1934, nascia na cidade de Bagé, no Rio Grande do Sul, o zagueiro Raul Donazart Calvet, um dos melhores quartos-zagueiros que vestiu a camisa 6 do Santos FC em toda a sua história.

Calvet - Blog DNA Santastico

Calvet formou com Mauro Ramos uma dupla de zaga inesquecível que deu ao clube os títulos mais importantes em sua existência.

Alcino orienta uma dupla de defensores: Mauro Ramos de Oliveira (esq) e Calvet. Crédito: site do Milton Neves.

Alcino orienta a dupla de defensores: Mauro Ramos de Oliveira (esq)
e Calvet. Crédito: site do Milton Neves.

Calvet - Blog DNA Santastico (6)

MAURO, PELÉ e CALVET. Crédito: pasionlibertadores.com.

O zagueiro iniciou sua trajetória futebolística jogando no Guarani de sua terra natal, clube ao qual voltou depois que abandonou o futebol por contusão, para ser o seu presidente.

Time do Guarany de Bagé. * Arquivo Aldemar Garcia. Crédito: velhaguardacarloskluwe.blogspot.com.br.

Time do Guarany de Bagé. * Arquivo Aldemar Garcia.
Crédito: velhaguardacarloskluwe.blogspot.com.br.

Antes de vir para o time santista, jogava no Grêmio de Porto Alegre.

O trio médio da equipe do Grêmio: Figueiró, Calvet e Enio Rodrigues.

O trio médio da equipe do Grêmio: Figueiró, Calvet e Enio Rodrigues.

Sua estreia no Alvinegro aconteceu no dia 12/02/1960, no amistoso vencido pelo Peixe por 2 a 1 diante do Club Alianza, de Lima. Nessa ocasião o time formou com Laércio, Getúlio e Dalmo (Feijó); Urubatão, Formiga (Fiote) e Zito (Calvet); Dorval, Mário, Pagão (Ney), Pelé (Afonsinho) e Pepe. O técnico era Luis Alonso, o Lula.

Calvet - Blog DNA Santastico (8)

Foi injustiçado na não convocação para disputar a Copa do Mundo de 1962, no Chile, sendo preterido pelo técnico Aymoré Moreira, que alegava que no elenco já tinha muitos jogadores do Santos.

Uma das formações da Seleção na fase de preparação para a Copa de 1962: Djalma Santos, Bellini, Zito, Calvet, Castilho e Nílton Santos; Agachados: massagista Santana, Garrincha, Didi, Coutinho, Pelé, Pepe e o massagista Mário Américo.

Uma das formações da Seleção na fase de preparação para a Copa de 1962: Djalma Santos, Bellini, Zito, Calvet, Castilho e Nílton Santos; Agachados: massagista Santana, Garrincha, Didi, Coutinho, Pelé, Pepe e o massagista Mário Américo.

Por estar contundido, não disputou as duas partidas finais do Mundial Interclubes diante do Milan, que deram ao clube o título de bicampeão mundial.

Calvet - Blog DNA Santastico (4)

Calvet jogou pelo Peixe no período de 1960 a 1964, foram 217 partidas e marcou apenas um gol.

Calvet - Blog DNA Santastico (5)

Títulos

  • Campeão Mundial (1962/1963);
  • Campeão Sul-Americano (1962/1963);
  • Campeão Brasileiro (1961/1962);
  • Campeão Paulista (1960/1961/1962);
  • Campeão Torneio Rio-São Paulo (1963);
  • Torneio Internacional de Paris – França (1960);
  • Torneio Internacional Pentagonal de Guadalajara – México (1960);
  • Torneio Internacional Troféu Giallorosso – Itália (1960).

Calvet - Blog DNA Santastico (3)

Curiosidade
O único gol marcado por Calvet foi no empate em 2 a 2, no dia 12/02/1961, contra a equipe do Oro, no pentagonal do México –  o outro gol foi marcado por Pagão. Calvet faleceu em Porto Alegre no dia 29/03/2008.

Fonte: Santos Futebol Clube

Banner Magazine DNA Santastico

Mureta de Santos - Blog DNA Santastico


Por ora, é só! Deixe seu comentário e até o próximo post!

Edmar Junior - Blog DNA Santastico

Edmar Junior

Torcedor do Santos FC por hereditariedade.
– Sócio do Santos FC desde 08/2006.
– Ex-Diretor Social da Associação Movimento Resgate Santista
– Membro da ASSOPHIS (Assoc. dos Pesq. e Historiadores do SFC)
– Membro da Confraria do Futebol Paulista/Por um Futebol Melhor
– Membro do Memofut (Grupo Literatura e Memória do Futebol)
Colecionador de livros sobre o Santos FC e seus ídolos.
Campeão do Quiz do Torcedor no Navio do Centenário.
Mantenedor do Blog DNA Santástico.
Mantenedor do Instagram @dnasantastico

Veja Tambem - Blog DNA Santastico

Logo Oficial Edmar Junior


ebook-guia-definitivo-para-criar-o-seu-negocio-online